terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Sindicato dos Radialistas promove a I Plenária Deliberativa do Registro Profissional em São Paulo

Imagem ilustrativa 

Se aproxima o dia 08 de fevereiro, data em que o Sindicato dos Radialistas promove a I Plenária Deliberativa do Registro Profissional no Estado de São Paulo. 

Foram três anos de acúmulo de discussões em nível nacional e estadual. No ano de 2013 foram realizadas plenárias consultivas por todo o estado de São Paulo, onde a categoria pode dar sua opinião e colocar suas experiência se anseios quanto o registro profissional.


Esta próxima plenária será deliberativa, isso é, será 

decidido, pelo conjunto dos trabalhadores, quais serão os novos critérios para a obtenção do registro profissional, comumente chamado de DRT.


Outro assunto de extrema importância a ser tratado na plenária é o Fundo do Desempregado. Hoje esse fundo é direcionado apenas aos trabalhadores fora do mercado, principalmente para garantir os estudos destes trabalhadores. A proposta apresentada até agora é que esse Fundo seja revertido também aos trabalhadores empregados com baixa renda que queiram fazer cursos de formação.


No entanto, isso tudo será decidido pelos trabalhadores, por isso, a extrema importância da participação de todos.


Caso tenha interesse, entre em contato com a diretoria através deste e-mail diretoria@radialistasp.org.br) e informe sua situação profissional e que região do Estado de São Paulo vc está para que o responsável pela região dê as orientações necessárias para sua participação.



Plenária deliberativa sobre registro profissional

Dia: 08/02/2013

Horário: 9h

Local: Sede Sindicato dos Radialistas de SP
Rua Conselheiro Ramalho, 992 - Bela Vista/SP 

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

2014 começa e os Radialistas não podem perder o foco



Por Ronaldo Werneck

Mais um ano se foi e outro se inicia. Assim tem sido há milênios. A atual diretoria, renovada no ano passado e que vêm desde 1988, se apresentada sempre com uma meta de organizar os trabalhadores, para deixarem de serem explorados. Mas os problemas permanecem. São inúmeras as irregularidades nas emissoras em diversas regiões do Estado, apesar dos avanços que temos conquistado.

Quando não é a falta de pagamento dos salários corretamente, é o registro profissional, que assombra a categoria. Neste ano a diretoria do sindicato irá chamar uma Plenária Estadual do Registro Profissional, para tratarmos desse tema. Enquanto o sindicato se esforça em regularizar os profissionais que o procuram, os patrões quando não, só atrapalham. Ao contratar trabalhadores sem o registro profissional e, ainda por cima, quando demitem os profissionais regularizados.

Por isso a importância do debate com a categoria. Não deveria ser o papel do sindicato ficar regularizando, indefinidamente, as irregularidades que os patrões e o governo criam com a não formação profissional dos trabalhadores na área em que atuamos. Nesse sentido já vai o aviso para os trabalhadores, interessados em defender sua profissão, que estejam preparados para participar do evento. A categoria será convocada pelo sindicato. Aguardem.

Outra coisa, em algumas emissoras ou até regiões do Estado, apresentam um número maior de irregularidades que em outras emissoras. Sendo que, em algumas, elas são maiores onde a categoria não reage às sacanagens dos patrões. Os trabalhadores estão tão condicionados a andarem de joelhos nessas emissoras, que nem se quer denunciam as irregularidades ao sindicato. Então os patrões desonestos aproveitam dessa situação.

Agora também há aqueles companheiros que acreditam que basta enviar as denúncias e cruzarem os braços que as coisas irão mudar. Não é assim que conseguiremos avançar na defesa de nossos direitos. O trabalho deve ser conjunto, entre os trabalhadores e o sindicato. Contamos com todos, para que este ano, além de alcançarmos novas conquistas, façamos os patrões desonestos cumprirem a Lei, naquilo que já conquistamos.